It takes two to tango

Quantas vezes a vida não parece mais estranha do que a ficção? Isso é porque toda a ficção se inspira directamente na vida! É porque somos todos medricas que costumamos optar pela ficção. Só que este blog vai optar pela vida... ou algo assim...

sábado, maio 20, 2006

Breves dos humanos estranhos (4)


O Tribunal Criminal do Porto (de onde mais?) condenou o colunista do Público, Augusto M. Seabra, a indemnizar Rui Rio em 4 mil euros, mais 2160 euros em multas e as custas judiciais, por, num célebre artigo de Junho de 2003, ter apelidado o autarca portuense de energúmeno, ainda que o visado nunca tenha exercido o direito de resposta a que tinha legalmente direito. Segundo o juiz a quem foi entregue o gossip, há restrições no direito à crítica, mesmo quando o visado ocupa um cargo público. Para o magistrado, energúmeno significa um indivíduo selvagem, que não tem princípios, a exemplo de alguém que inflinge maus tratos a menores. Já o colunista esclarece que a palavra remonta ao teatro grego, servindo para designar alguém movido por uma obsessão que gera desacatos políticos e institucionais. Em que ficamos? Rui Rio pode ser, de algum modo, energúmeno ou não? A censura, essa, afigura-se cada vez mais um direito dos poderosos, mesmo nos Estados ditos de direito democrático.

E é preciso oxigénio depois de semelhante novidade... Os japoneses, sempre na linha dianteira dessas coisas, acabam de inventar o oxigénio em spray, brevemente à venda em estabelecimentos seleccionados. Sente-se cansado, deprimido? A prática de exercício rouba tempo precioso à sua empresa? Os patrões podem, agora, respirar de alívio... Com O2 Supli o caso fica resolvido!

Onde há falta de oxigénio é no topo do planeta, mais precisamente no cume do Evereste, a 8848 metros de altitude. Ainda assim, não falta quem pretenda experimentar o mal das alturas... O nepalês Appa acaba de bater um recorde ao visitar o local pela 16ª vez. Quanto ao neozelandês Mark Inglis, atingiu o cume apesar de ter ambas as pernas amputadas abaixo dos joelhos. E o japonês (de onde mais?)Takao Arayama atingiu as alturas com a belíssima idade de 70 anos, 7 meses e 13 dias, roubando a marca da idade ao seu compatriota Yuichiro Miura por 3 dias. Tudo casos para o Guiness.

Muito menos perto do céu, mas igualmente perto do Guiness, esteve uma polaca de 28 anos, capturada pela polícia alemã numa auto-estrada de Wiesbaden com nada mais, nada menos do que quatro vezes a taxa de alcoolémia permitida, ao mesmo tempo que conduzia um automóvel roubado, em contramão e sem carta de condução. Belo!


Fonte: Público. Imagem de www.mr-bill.de.

1 Comments:

At 8:48 da tarde, Blogger zenite said...

A determinado trecho, a Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira dá-nos, relativamente ao vocábulo “energúmeno”, a seguinte significação:
(…) “Actualmente consideram-se energúmenos não só os fanáticos e exaltados de todos os sistemas políticos e religiosos, mas ainda aqueles que se entregam a entusiasmos excessivos, falam com arrebatamento e cólera, gesticulam com veemência, etc.” (…)

Sente-se, assim, a necessidade de reforço das paredes do hemiciclo de S. Bento, que ameaça rebentar pelas costuras, devido ao peso e pressão de tanto energúmeno.

 

Enviar um comentário

<< Home