It takes two to tango

Quantas vezes a vida não parece mais estranha do que a ficção? Isso é porque toda a ficção se inspira directamente na vida! É porque somos todos medricas que costumamos optar pela ficção. Só que este blog vai optar pela vida... ou algo assim...

sexta-feira, maio 05, 2006

Simpathy for the Devil: degladiem-se portugueses!


Após muitos anos de persistência e fomento disfarçado da iliteracia, a nossa classe política conseguiu colocar portugueses cada vez mais pobres contra portugueses cada vez mais pobres. Toda a gente se odeia e toda a gente é malandra. Toda a gente está pessimamente e os outros, que estão muito melhor, são todos uns reles privilegiados.
Agora, apesar dos problemas da nossa Segurança Social estarem muito intimamente relacionados com o facto de que, ao longo de muitos anos, as verbas foram escandalosamente desviadas para outros ministérios, mexem-nos nas reformas, com aquela conversa de neoliberal do género cínico de que tem que ser. Anuncia-se a derrota como uma grande vitória. O país não se mexe. Os descontos são imensos e o custo de vida astronómico não nos permite acautelar o futuro por iniciativa própria, como defendem os neoliberais utópicos (por quem tenho, obviamente, maior respeito).
A vida está negra para todos os portugueses. Estará? Eis uma interessante lista que recebi via email. Se houver alguma incorrecção, provem-mo antes de me processar (que eu não tenho um tusto para indemnizações) e alterarei o que for justo...




ALGUMAS REFORMAS DE POLÍTICOS



Almeida Santos......................... 4.400, euros;
Medeiros Ferreira....................... 2.800, euros;
Manuela Aguiar......................... 2.800, euros;
Pedro Roseta............................ 2.800, euros;
Helena Roseta........................... 2.800, euros;
Narana Coissoró . .................... 2.800, euros;
Álvaro Barreto........................... 3.500, euros;
Vieira de Castro........................ 2.800, euros;
Leonor Beleza . ........................ 2.200, euros;
Isabel Castro............................. 2.200, euros;
José Leitão................................ 2.400, euros;
Artur Penedos............................ 1.800, euros;
Bagão Félix............................... 1.800, euros.



CASOS DE SUBSÍDIOS DE REINTEGRAÇÃO



Luís Filipe Pereira . 26.890, euros / 9 anos de serviço;
Sónia Fortuzinhos .... 62.000, euros / 9 anos e meio de serviço
Maria Santos . 62.000, euros /9 anos de serviço ;
Paulo Pedroso ........ 48.000, euros / 7 anos e meio de serviço
David Justino ............ 38.000, euros / 5 anos e meio de serviço;
Ana Benavente . 62.000 , euros / 9 anos de serviço;
Mª Carmo Romão . 62.000, euros / 9 anos de serviço;
Luís Nobre Guedes ... 62.000 , euros / 9 anos e meio de serviço.
A maioria dos outros deputados que não regressaram estiveram lá somente na última legislatura, isto é, 3 anos, o suficiente para terem recebido cerca de 20.000, euros cada !



Para concluir o exemplo dos políticos, é-nos referido o exemplo de Vasco Franco (50 anos de idade), número dois do PS na Câmara de Lisboa durante as presidências de Jorge Sampaio e de João Soares...
Foi-lhe atribuída uma pensão mensal de 3035 euros pelo facto de ter sido aposentado com a categoria de técnico superior de 1ª classe, apesar de, segundo se afirma, as suas habilitações - o antigo Curso Geral do Comércio - corresponder sensivelmente ao actual 9º ano de escolaridade. É igualmente referida a contagem do tempo de serviço deste político: terá entrado para os quadros do ministério da Administração Interna em 1972 (pré-25 de Abril), tendo cumprido sete de dedicação exclusiva... Três anos para o serviço militar e 20 na vereação da Câmara de Lisboa, doze dos quais a tempo inteiro, o que dá um total de 30! Aparentemente, a lei autoriza-o a contar a dobrar 10 dos 12 anos como vereador a tempo inteiro.
Já após a entrega do pedido de reforma, o político terá sido convidado para administrador da Sanest, uma sociedade de capitais públicos, sendo que o contrato, iniciado em Abril, se prevê para um período de 18 meses, com um salário mensal de 4000 euros, os quais deverão reduzir-se a metade a partir de Julho, em função da entrada em vigor da sua reforma.
A isto, somem-se 900 euros de uma outra reforma, atribuída em função de ter sido ferido em combate em Moçambique, já depois do 25 de Abril, mais cerca de 250 euros em senhas de presença pela actuação como vereador sem pelouro.



Mas não se imagine que apenas os políticos sabem tratar de si, uma vez que há muitos poderes no meio dos poderes... Aparentemente, 9 em cada 10 aposentados com mais de 5000 euros mensais terão sido juízes. Veja-se a seguinte lista (extensa; não exclusivamente de juízes), com valores em euros:



Janeiro
Ministério da Justiça
5380.20 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
Março
Ministério da Justiça
7148.12 Procurador-Geral Adjunto Procuradoria-Geral República
5380.20 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5484.41 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
Empresas Públicas e Sociedades Anónimas
6082.48 Jurista 5 CTT Correios Portugal SA
Abril
Ministério da Justiça
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5338.40 Procuradora-Geral Adjunta Procuradoria-Geral República
Antigos Subscritores
6193.34 Professor Auxiliar Convidado
Maio
Ministério da Justiça
5663.51 Juiz Conselheiro Conselho Superior Magistratura
5498.55 Procurador-Geral Adjunto Procuradoria-Geral República
5460.37 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5663.51 Juiz Conselheiro Conselho Superior Magistratura
5338.40 Procuradora-Geral Adjunta Procuradoria-Geral República
5663.51 Juiz Conselheiro Conselho Superior Magistratura
Junho
Ministério da Justiça
5663.51 Juiz Conselheiro Supremo Tribunal Administrativo
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5663.51 Juiz Conselheiro Conselho Superior Magistratura
Julho
Ministério da Justiça
5182.91 Juiz Direito Conselho Superior Magistratura
5182.91 Procurador República Procuradoria-Geral República
5307.63 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5498.55 Procurador-Geral Adjunto Procuradoria-Geral República
Agosto
Ministério da Justiça
5173.46 Conservador Direcção Geral Registos Notariado
5173.46 Conservadora Direcção Geral Registos Notariado
5173.46 Conservador Direcção Geral Registos Notariado
5173.46 Notário Direcção Geral Registos Notariado
5173.46 Conservador Direcção Geral Registos Notariado
5663.51 Juiz Conselheiro Conselho Superior Magistratura
5663.51 Juiz Conselheiro Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5043.12 Notária Direcção Geral Registos Notariado
5173.46 Conservador 1ª Classe Direcção Geral Registos Notariado
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5027.65 Conservador Direcção Geral Registos Notariado
5663.51 Juiz Conselheiro Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5173.46 Conservador Direcção Geral Registos Notariado
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5173.46 Notário Direcção Geral Registos Notariado
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5159.57 Conservador Direcção Geral Registos Notariado
5173.46 Notária Direcção Geral Registos Notariado
5173.46 Ajudante Principal Direcção Geral Registos Notariado
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5173.46 Notário 1ª Classe Direcção Geral Registos Notariado
5173.46 Notária Direcção Geral Registos Notariado
Setembro
Ministério dos Negócios Estrangeiros
7284.78 Vice-Cônsul Principal Secretaria-Geral (Quadro Externo)
6758.68 Vice-Cônsul mdash; Secretaria-Geral (Quadro Externo)
Ministério da Justiça
5663.51 Juiz Conselheiro mdash; Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador mdash; Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador mdash; Conselho Superior Magistratura
Ministério da Educação
5103.95 Presidente Conselho Nacional Educação
Outubro
Ministério da Justiça
5498.55 Procurador-Geral Adjunto Procuradoria-Geral República
Novembro
Ministério dos Negócios Estrangeiros
7327.27 Técnica Especialista Secretaria-Geral (Quadro Externo)
Tribunal de Contas
5663.51 Presidente
Ministério da Justiça
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5663.51 Juiz Conselheiro Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
5498.55 Juiz Desembargador Conselho Superior Magistratura
Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior
5015.16 Professor Coordenador Inst Superior Engenharia Lisboa



Não vale a pena escrever um livro sobre o assunto. O meu conselho é muito simples: portugueses e portuguesas (ou portuguesas e portugueses é que seria politicamente correcto?), continuem a eliminar-se mutuamente, continuem a odiar-se. Lúcifer agradece, como muito bem saberiam dizer os Stones no clássico Simpathy for the Devil...



Imagem de http://momentodeluz.ubbihp.com.br/.

2 Comments:

At 3:04 da tarde, Blogger Antonio said...

Quando for grande, já não quero ser jogador de futebol. Prefiro ser politico. Ganho o mesmo, não transpiro, e não preciso de ter amor à camisola.

 
At 6:24 da tarde, Blogger Master Minder said...

Agreed. E são estes tipos que escancaram as portas a todos os radicalismos. Mesmo se os portugueses são, globalmente, um bando de carneirinhos.

 

Enviar um comentário

<< Home