It takes two to tango

Quantas vezes a vida não parece mais estranha do que a ficção? Isso é porque toda a ficção se inspira directamente na vida! É porque somos todos medricas que costumamos optar pela ficção. Só que este blog vai optar pela vida... ou algo assim...

quinta-feira, dezembro 22, 2005

Lol!


Hello! Peço desculpa de, uma vez mais, ir buscar estas curiosidades ao Público, mas a verdade é que o Público não tem de se chatear com isso, uma vez que tal significa que o Master lê (de vez em quando) o Público...

Notícias natalícias pelo mundo fora:

Parece que o bonacheirão Pai Natal (que as crianças gostariam de trucidar como parece que fazem às Barbies, só que se arriscavam a ficar sem presentes, o que seria dramático e Barbies há uma em cada esquina) está a ceder ao Dark Side... Em Ludwigshagen (que é como quem diz em Freixo de Espada à Cinta), na Alemanha, o santo assaltou uma loja de mobílias, prendeu as empregadas no cofre e pirou-se com os euros no saco. Deve ser um problema do país que nos deu o novo Papa, aliás... Também por lá, um outro Pai Natal assaltou um total de quatro bancos de metralhadora em riste, tendo arrecadado a soma de 500 mil euros. Quando o descobriram, concluiram igualmente que a arma era de brinquedo, totalmente apropriada à personagem, portanto... Lol.

Entretanto, na Hungria, país do ex-bloco bolchevique, um democrático cidadão apresentou queixa à polícia local de que uma dada loja tinha estrelas vermelhas entre as suas decorações de Natal. Alguns agentes da lei devem ter torcido o nariz, outros devem ter lol, outros devem ter suspirado profundamente, outros ainda devem ter passado o caso ao colega da secretária mais próxima... Palavra do porta-voz policial: As estrelas vermelhas da loja têm forma irregular e as suas pontas não são bicudas, mas arredondadas, portanto não violam a lei. Lol.

E também por cá temos quem persista em não entender o espírito de Natal (ou qualquer espírito que seja, já agora)... Quando lia estas notícias, no café que mo cede de borla, claro está, ri-me e exclamei: 'Tá demais! Ora, uma gaja que estava a conversar com uma rapariga sua conhecida numa mesa próxima, fixou-me de imediato com um ar reprovador que nunca vem a propósito de coisa nenhuma. Com a minha experiência cada vez mais aperfeiçoada de muitas luas a olhar os outros directamente nos olhos até que acabem por se sentir perfeitos idiotas (quando é caso para isso, porque o significado varia), olhei-a também em linha rectíssima (e ela provavelmente convencida de que eu acabaria por desviar o olhar - lol), até que a gaja acabou por desistir, abissalmente derrotada pela minha personalidade fortíssima. Deves ter algum problema!, disse-lhe ainda, para que se entendesse quem mandava ali. E assim se vive o verdadeiro espírito da época... Feliz Natal, lol!


Imagem de http://sidesalad.net.

2 Comments:

At 6:45 da tarde, Anonymous Carlos said...

Ora bem...isso é que é um Natal à maneira!
Já agora, boas festas e parabéns ;)

 
At 7:22 da tarde, Blogger Master Minder said...

Boas festas para ti também e obrigadinho pelos parabéns! :)

 

Enviar um comentário

<< Home